Guerra de Preços na alimentação

A Crédito y Caución prevê a deterioração a curto prazo das insolvências e dos incumprimentos do setor alimentar em França.

Madrid - 23-dez-2015

A exportação encontra-se a desempenhar um papel essencial na rentabilidade do setor da alimentação, compensando em muitos mercados os resultados do mercado interno. De acordo com o relatório setorial divulgado pela Crédito y Caución, a descida de preços das matérias-primas proporcionou um certo alivio aos produtores e processadores de alimentos, mas as margens dos fornecedores do setor são cada vez mais estreitas. A concorrência na Europa não deixa de crescer, estimulada pela eficiência e a redução dos custos de produção.

A proibição das importações de alimentos da União Europeia na Rússia sentiu-se em alguns subsetores como o lácteo, frutas e verduras. Os efeitos foram especialmente severos entre as empresas russas, enquanto as empresas europeias souberam encontrar, em muitos casos, mercados alternativos evitando a deterioração abruta dos incumprimentos e insolvências.

De acordo com o relatório divulgado pela Crédito y Caución, o setor apresenta a nível mundial uma evolução razoável e estável. Porém, uma vez que as margens de muitas empresas são reduzidas, o setor é vulnerável a um agravamento do risco de crédito, devido à volatilidade das matérias-primas, uma deterioração brusca das condições económicas ou das questões sanitárias.

Em Espanha, primeiro destino de exportação portuguesa, o crescimento da produção de alimentos foi impulsionado pelo aumento das exportações dos últimos anos e, a partir de 2015, pela recuperação económica em curso e o seu impulso à procura interna. Porém, a deflação tem um impacto negativo nas margens das empresas, cuja rentabilidade diminuiu devido a uma forte concorrência e à guerra de preços no segmento do retalho, que deixou alguns players numa situação difícil. A necessidade de financiamento externo das empresas alimentares é grande. As notificações de incumprimento têm diminuído nos últimos anos e espera-se que esta tendência positiva continue. Porém, o subsetor das frutas e verduras sofreu um excesso de produção e uma diminuição da sua capacidade de exportação que colocou as insolvências e os incumprimentos acima da média do setor.

O relatório difundido pela Crédito y Caución prevê a deterioração das insolvências e dos incumprimentos a curto-prazo também para França, o segundo país para onde Portugal mais exporta os seus produtos. Os subsetores da carne e lácteo enfrentam importantes desafios e os custos de produção do setor permanecem demasiado altos. O lento crescimento económico francês é um obstáculo à recuperação da despesa dos consumidores, o que afeta negativamente as margens dos fabricantes de alimentos. Embora o preço dos produtos básicos tenha diminuído desde 2014, ajudando os produtores a restabelecer temporariamente as suas margens, o efeito viu-se diminuído pela feroz competitividade de preços.

Já na Alemanha, o terceiro país que recebe mais produtos portugueses, o setor demonstra um comportamento em pagamentos mais estável, apesar da diminuição das suas vendas em 2015. A dura competitividade e a guerra de preços no setor alimentar alemão fez com que produtores, processadores e fornecedores tenham sofrido dificuldades para fazer frente aos seus custos, dado que as suas margens continuam a ajustar-se. Em Itália, após vários anos de crise, registou-se um aumento modesto da produção e do volume de vendas, impulsionado principalmente pelas exportações. Nos Estados Unidos, a procura no setor está a aumentar, especialmente no segmento de produtos saudáveis e as margens permanecerão estáveis em 2016.

A Rússia é, possivelmente, o mercado mais instável do setor a nível global. A combinação da crise económica e a depreciação do rublo, para além das sanções impostas à importação de alimentos e produtos agrícolas, têm provocado uma situação difícil no mercado interno. Os alimentos encareceram e a produção local aumentou, substituindo a carência de importações. Contudo, as margens de muitas empresas do setor deterioraram-se e prevê-se que esta tendência negativa continue em 2016. Os casos de morosidade, incumprimento e insolvência aumentaram consideravelmente nos últimos seis meses e manter-se-ão em níveis elevados, especialmente nos segmentos do peixe, carne, produtos lácteos, frutas e verduras.

Posto isto, as grandes cadeias de supermercados têm continuado a sua expansão. Algumas das principais explorações agrícolas integradas verticalmente têm crescido com êxito nos últimos 18 meses, aproveitando as oportunidades que oferece a proteção do Estado e as sanções às importações da União Europeia. O mercado de alimentos russo está em consolidação, como as principais cadeias de distribuição de alimentos nacionais estão a desprezar os players e os retalhistas regionais.

 

Sobre a Crédito y Caución

A Crédito y Caución  é um dos operadores líderes em seguro de crédito interno e de exportação em Portugal. A Crédito y Caución contribui para o crescimento das empresas, há mais de 85 anos, protegendo-as dos riscos associados às vendas a crédito de bens e serviços. Desde 2008 é o operador do Atradius em Portugal, Espanha e Brasil.

Atradius é o operador global de seguros de crédito, presente em 50 países, que tem acesso a informação de crédito em mais de 200 milhões de empresas em todo o mundo. O operador global consolida a sua actividade no âmbito do Grupo Catalana Occidente.

Mantenha-se informado. Receba a nossa Newsletter

Esta pagina web utiliza cookies

Utilizamos cookies de terceiros para fins analíticos (produzindo estatísticas baseadas nos seus hábitos de navegação), personalização (para lembrar o idioma ou as configurações preferidas da web) e publicidade comportamental (para desenvolver perfis e oferecer publicidade adaptada às suas preferências de navegação). Poderá configurar o uso desta tecnologia. Poderá também modificar ou retirar o seu consentimento a qualquer momento, clicando em "Declaração de Cookies".

 

Os cookies estatísticos ajudam os proprietários dos sítios Web a compreender como os visitantes interagem com o sítio Web, recolhendo e fornecendo informações de forma anónima.

Nome Fornecedor Finalidade Validade Tipo Informações adicionais
_gid googletagmanager.com Regista um ID único que se usa para gerar dados estatísticos sobre como o visitante usa o site. 1 dia HTTP
_gat Script inline Usado pelo Google Analytics para reduzir a taxa de pedidos. 1 dia HTTP
_gat_UA-# Script inline Usado pelo Google Analytics para reduzir a taxa de pedidos. 1 dia HTTP
_gcl_au googletagmanager.com Usado pelo Google AdSense para experimentar a eficácia da publicidade em sites que utilizam os seus serviços. 3 meses HTTP
_ga googletagmanager.com Regista um ID único que se usa para gerar dados estatísticos sobre como o visitante usa o site. 2 anos HTTP

Os cookies de preferências permitem que o site se lembre de informações que alteram a forma como o site se comporta ou é apresentado, tais como o seu idioma preferido ou a região em que se encontra.

Nome Fornecedor Finalidade Validade Tipo Informações adicionais

Os cookies necessários ajudam a tornar um site utilizável, ativando funções básicas como navegação na página e acesso a áreas seguras do site. O website não pode funcionar corretamente sem estes cookies.

Nome Fornecedor Finalidade Validade Tipo Informações adicionais
NID google.com Necessário para o funcionamento do reCaptcha. Grava um código para evitar a usurpação de identidade do utilizador. 2 anos HTTP
TS# creditoycaucion.es Este cookie é necessário para o serviço de balanceador de carga. sessão HTTP
a_sescyc creditoycaucion.es Este cookie é necessário para o serviço de balanceador de carga 1 dia HTTP
JSESSIONID creditoycaucion.es Cookie de servidor Web para manter o estado da sessão do visitante entre pedidos de páginas. sessão HTTP

Os cookies de marketing são utilizados para rastrear os visitantes dos sites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e atraentes para o utilizador individual e, por conseguinte, mais valiosos para os editores e anunciantes terceiros.

Nome Fornecedor Finalidade Validade Tipo Informações adicionais
VISITOR_INFO1_LIVE youtube.com Procura estimar a largura de banda dos utilizadores em páginas com vídeos do YouTube integrados. 179 dias HTTP
PREF youtube.com Regista um ID único que se usa para gerar dados estatísticos sobre como o visitante utiliza os videos do You Tube nos diferentes websites. 8 meses HTTP
IDE youtube.com Utilizado pelo Google DoubleClick para registar e comunicar a acção do utilizador do Website após visualizar ou clicar num dos anúncios do anunciante, com o objectivo de medir a eficácia de um anúncio e apresentar anúncios direccionados ao utilizador. 1 ano HTTP
GPS youtube.com Regista um ID único em dispositivos móveis para permitir o rastreamento com base na localização geográfica do GPS. 1 dia HTTP
1P_JAR youtube.com Este cookie fornece informações sobre a utilização do website pelo utilizador final e sobre a publicidade que o utilizador final viu antes de visitar o website. 2 anos HTTP
YSC youtube.com Regista uma identificação única para obter informações estatísticas sobre os vídeos do YouTube que o utilizador visualizou. sessão HTTP

Os cookies são pequenos arquivos de texto que as páginas web podem usar para tornar a experiência do usuário mais eficiente. A lei estabelece que podemos armazenar cookies no seu dispositivo se forem estritamente necessários para o funcionamento desta página. Para todos os outros tipos de cookies precisamos da sua permissão. Esta página utiliza diferentes tipos de cookies. Alguns cookies são colocados por serviços de terceiros que aparecem nas nossas páginas. A qualquer momento pode alterar ou retirar seu consentimento na "Declaração de Cookies" no nosso website. Saiba mais sobre quem somos, como pode entrar em contato connosco e como processamos os dados pessoais na nossa "Política de Privacidade".

 

O seu consentimento aplica-se aos seguintes domínios: www.creditoycaucion.es