Polónia, único país da União Europeia que cresceu em 2009

Empresas Polacas enfrentam negociações difíceis com a banca para extensão das linhas de crédito e muitas sofrem o aumento dos encargos financeiros.

Madrid - 10-mar-2010

A Polónia foi o único país da União Europeia a registar crescimento económico no ano passado, tendo atingindo 1,7%, de acordo com a estimativa preliminar do Departamento Central de Estatísticas da Polónia. O forte consumo interno foi o principal motor desse desenvolvimento impulsionado pelo decréscimo do desemprego nos últimos anos e, na generalidade, por um nível de endividamento das famílias e empresas inferior ao de outros países.

Apesar de nos últimos 12 meses as exportações e as importações terem diminuído, as exportações ultrapassaram as importações. As empresas exportadoras continuam a beneficiar de um zloty fraco,  especialmente em mercados sensíveis ao factor preço, o que compensa, em parte, a diminuição global da procura externa. No entanto, e desde o final de 2009, o zloty tem mostrado uma tendência de valorização o que leva os especialistas da Crédito y Caución a prever nova valorização face ao Dólar Americano e Euro ao longo de  2010.

Para uma média empresa polaca o principal problema é a liquidez, pelo efeito dominó que se gera na cadeia de abastecimento com o avolumar de atrasos nos pagamentos. Tal como em 2009, nos próximos meses os sectores que serão mais afectados pelos atrasos nos pagamentos serão o da indústria do aço, dos materiais de construção e da electrónica de consumo. Nos últimos meses, a Construção tem sido severamente afectada pelas difíceis condições climatéricas. O Retalho sofreu com o baixo consumo no período natalício, especialmente nos equipamentos electrónicos domésticos. Em contrapartida,  os especialistas da Crédito y Caución perspectivam o sector farmacêutico e alimentar como os mais estáveis.

Empréstimos mais difíceis para as empresas

As empresas polacas ainda enfrentam duras negociações com a banca para reforçarem as linhas de crédito, e muitas sofrem com o aumento dos encargos financeiros, resultante da  procura dos bancos em equilibrar as suas contas.

O sector bancário parece igualmente afastar-se dos sectores mais críticos e estão a reduzir de forma notória a sua exposição a esses sectores. O efeito que a apresentação de resultados de 2009 das empresas auditadas terá nas decisões dos bancos relativamente à manutenção das linhas de crédito e nos respectivos encargos inerentes é outra preocupação levantada pelos especialistas da Crédito y Caución. O crédito pessoal também sofrerá com as condições mais apertadas.

Actualmente estima-se um crescimento de 2,2% do PIB em 2010, resultado de uma recuperação das exportações e de um reforço dos fundos da União Europeia para melhorar as infra-estruturas [o governo pretende modernizar as vias rodoviárias e ferroviárias e construir cerca de 2.000 km de novas vias rápidas, a tempo do Campeonato de Futebol Euro 2012, co-organizado pela Polónia]. No entanto, o aumento do desemprego e a desaceleração do crescimento do crédito pode ainda reduzir mais o consumo privado.

A pesar do panorama mais positivo, os especialistas da Crédito y Caución estimam um aumento do número de insolvências em 2010, especialmente na indústria do aço e da construção, em virtude de serem tradicionalmente mais expostos aos atrasos de pagamento.

Mantenha-se informado. Receba a nossa Newsletter

Esta pagina web utiliza cookies

Utilizamos cookies de terceiros para fins analíticos (produzindo estatísticas baseadas nos seus hábitos de navegação), personalização (para lembrar o idioma ou as configurações preferidas da web) e publicidade comportamental (para desenvolver perfis e oferecer publicidade adaptada às suas preferências de navegação). Poderá configurar o uso desta tecnologia. Poderá também modificar ou retirar o seu consentimento a qualquer momento, clicando em "Declaração de Cookies".

 

Os cookies de marketing são utilizados para rastrear os visitantes dos sites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e atraentes para o utilizador individual e, por conseguinte, mais valiosos para os editores e anunciantes terceiros.

Nome Fornecedor Finalidade Validade Tipo Informações adicionais
GPS youtube.com Regista um ID único em dispositivos móveis para permitir o rastreamento com base na localização geográfica do GPS. 1 dia HTTP
VISITOR_INFO1_LIVE youtube.com Procura estimar a largura de banda dos utilizadores em páginas com vídeos do YouTube integrados. 179 dias HTTP
1P_JAR youtube.com Este cookie fornece informações sobre a utilização do website pelo utilizador final e sobre a publicidade que o utilizador final viu antes de visitar o website. 2 anos HTTP
PREF youtube.com Regista um ID único que se usa para gerar dados estatísticos sobre como o visitante utiliza os videos do You Tube nos diferentes websites. 8 meses HTTP
IDE youtube.com Utilizado pelo Google DoubleClick para registar e comunicar a acção do utilizador do Website após visualizar ou clicar num dos anúncios do anunciante, com o objectivo de medir a eficácia de um anúncio e apresentar anúncios direccionados ao utilizador. 1 ano HTTP
YSC youtube.com Regista uma identificação única para obter informações estatísticas sobre os vídeos do YouTube que o utilizador visualizou. sessão HTTP

Os cookies necessários ajudam a tornar um site utilizável, ativando funções básicas como navegação na página e acesso a áreas seguras do site. O website não pode funcionar corretamente sem estes cookies.

Nome Fornecedor Finalidade Validade Tipo Informações adicionais
a_sescyc creditoycaucion.es Este cookie é necessário para o serviço de balanceador de carga 1 dia HTTP
JSESSIONID creditoycaucion.es Cookie de servidor Web para manter o estado da sessão do visitante entre pedidos de páginas. sessão HTTP
NID google.com Necessário para o funcionamento do reCaptcha. Grava um código para evitar a usurpação de identidade do utilizador. 2 anos HTTP
TS# creditoycaucion.es Este cookie é necessário para o serviço de balanceador de carga. sessão HTTP

Os cookies estatísticos ajudam os proprietários dos sítios Web a compreender como os visitantes interagem com o sítio Web, recolhendo e fornecendo informações de forma anónima.

Nome Fornecedor Finalidade Validade Tipo Informações adicionais
_gat Script inline Usado pelo Google Analytics para reduzir a taxa de pedidos. 1 dia HTTP
_gat_UA-# Script inline Usado pelo Google Analytics para reduzir a taxa de pedidos. 1 dia HTTP
_gid googletagmanager.com Regista um ID único que se usa para gerar dados estatísticos sobre como o visitante usa o site. 1 dia HTTP
_ga googletagmanager.com Regista um ID único que se usa para gerar dados estatísticos sobre como o visitante usa o site. 2 anos HTTP
_gcl_au googletagmanager.com Usado pelo Google AdSense para experimentar a eficácia da publicidade em sites que utilizam os seus serviços. 3 meses HTTP

Os cookies de preferências permitem que o site se lembre de informações que alteram a forma como o site se comporta ou é apresentado, tais como o seu idioma preferido ou a região em que se encontra.

Nome Fornecedor Finalidade Validade Tipo Informações adicionais

Os cookies são pequenos arquivos de texto que as páginas web podem usar para tornar a experiência do usuário mais eficiente. A lei estabelece que podemos armazenar cookies no seu dispositivo se forem estritamente necessários para o funcionamento desta página. Para todos os outros tipos de cookies precisamos da sua permissão. Esta página utiliza diferentes tipos de cookies. Alguns cookies são colocados por serviços de terceiros que aparecem nas nossas páginas. A qualquer momento pode alterar ou retirar seu consentimento na "Declaração de Cookies" no nosso website. Saiba mais sobre quem somos, como pode entrar em contato connosco e como processamos os dados pessoais na nossa "Política de Privacidade".

 

O seu consentimento aplica-se aos seguintes domínios: www.creditoycaucion.es