Perspectivas de Insolvência desiguais

O indicador de frequência das expectativas de risco de incumprimento mostrou uma tendência de descida. A maioria dos países registaram os níveis mais baixos desde 2008, excepto a Bélgica.

Madrid - 24-mar-2010

As previsões da actividade económica apontam para uma modesta recuperação, em 2010, nos mercados desenvolvidos, embora hajam diferenças visíveis nas expectativas de desempenho entre as diversas regiões. Os especialistas da Crédito y Caución perspectivam que os EUA, que foi o primeiro país a sucumbir à crise, supere a Zona Euro em 2010. Nesse sentido, perspectiva-se um crescimento na economia dos EUA de 2,7% em 2010, enquanto na Zona Euro espera-se um crescimento modesto de 1,2%. Existem ainda diferenças consideráveis no desempenho entre os diversos mercados europeus.

O crescimento das insolvências em 2009 baseou-se numa série de factores incluindo o perfil económico e financeiro específico de cada país, o Banco Central e as medidas fiscais de combate à crise no crédito, e a forma como as empresas se adaptaram às novas condições. Como resultado, a Crédito y Caución registou um aumento de mais de 70% na taxa de insolvências na Holanda e de 10 a 65% nos outros países.

Os especialistas da Crédito y Caución perspectivam uma ligeira recuperação, sendo expectável que algumas economias avançadas da Zona Euro registem melhorias no número de insolvências enquanto outras ainda apresentam uma tendência de agravamento. Os últimos indicadores apontam para um decréscimo de 5% no número de insolvências nos EUA, no Reino Unido e na França em 2010, e para uma tendência de subida na Alemanha [+10%] e Holanda [+2%].

Apesar do cenário mais positivo que se espera, antecipa-se um período prolongado de dificuldades de acesso ao crédito pelas empresas. A recuperação económica não representará um retorno imediato às condições que prevaleciam antes da crise.

Mantenha-se informado. Receba a nossa Newsletter

Esta pagina web utiliza cookies

Utilizamos cookies de terceiros para fins analíticos (produzindo estatísticas baseadas nos seus hábitos de navegação), personalização (para lembrar o idioma ou as configurações preferidas da web) e publicidade comportamental (para desenvolver perfis e oferecer publicidade adaptada às suas preferências de navegação). Poderá configurar o uso desta tecnologia. Poderá também modificar ou retirar o seu consentimento a qualquer momento, clicando em "Declaração de Cookies".

 

Marketing

Os cookies de marketing são utilizados para rastrear os visitantes dos sites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e atraentes para o utilizador individual e, por conseguinte, mais valiosos para os editores e anunciantes terceiros.

Necessárias

Os cookies necessários ajudam a tornar um site utilizável, ativando funções básicas como navegação na página e acesso a áreas seguras do site. O website não pode funcionar corretamente sem estes cookies.

Estadísticas

Os cookies estatísticos ajudam os proprietários dos sítios Web a compreender como os visitantes interagem com o sítio Web, recolhendo e fornecendo informações de forma anónima.

Preferências

Os cookies de preferências permitem que o site se lembre de informações que alteram a forma como o site se comporta ou é apresentado, tais como o seu idioma preferido ou a região em que se encontra.