A Crédito y Caución se consolida no Brasil

Após três anos de atividade no Brasil, a Crédito y Caución estuda e cobre operações com mais de 7.200 empresas em todo o mundo para seus clientes da América do Sul.
Madrid - 20-mar-2009

A Crédito y Caución iniciou suas operações no Brasil em 2007, ano no qual obteve um rendimento negativo de 0,53 milhões de euros. No seu segundo ano de presença na América do Sul, o resultado das atividades de seguro de crédito interno melhorou 72,4% e o das atividades de crédito para a exportação 66,2%, situando o resultado final de 2008 a apenas 0,16 milhões de euros do equilíbrio.

Conforme explicou Jesús Ángel Victori, diretor da Companhia no Brasil, à Gazeta Mercantil, primeiro diário econômico do país, esta positiva evolução do exercício põe em relevo que a seguradora está funcionando conforme o que se espera de uma start up. Registramos prêmios acima dos 1,5 milhões de euros e, se os parâmetros se mantiverem, 2009 pode ser o primeiro ano de lucro, acrescenta.

O Brasil é um dos três grandes mercados, junto com o México e o Chile, do seguro de crédito na América do Sul e o que apresenta maior potencial de crescimento pelo tamanho e crescimento de sua economia. A carteira em vigor da Crédito y Caución é composta principalmente por pequenas e médias empresas para as quais a Companhia estuda e cobre operações com mais de 7.200 empresas em todo o mundo.

Mantenha-se informado. Receba a nossa Newsletter