Dívida privada ameaça amplificar os efeitos da guerra comercial

A evolução da dívida do setor privado nos Estados Unidos e na China poderia agravar a recessão provocada por uma possível escalada da guerra comercial.

Madrid - 30-jul-2019

 

 

Os Estados Unidos e a China, as duas maiores economias mundiais, continuam envolvidos numa guerra comercial que pode desestabilizar as suas economias. De acordo com o mais recente relatório divulgado pela Crédito y Caución, a dívida privada das famílias e das empresas é um meio-chave de amplificação dos custos económicos de uma escalada nesta disputa comercial. 

 

 

A dívida privada dos Estados Unidos estabilizou em torno de 148% do PIB, num contexto de deslocação dos riscos das famílias para o setor empresarial. A dívida corporativa cresceu até atingir 73% do PIB em 2018, perto do seu ponto máximo anterior à crise. Embora continue a ser um dos rácios mais baixos das economias avançadas, a seguradora de crédito regista um aumento da preocupação com a qualidade da dívida das empresas norte-americanas e o enfraquecimento das regras de subscrição. O aumento das taxas de juros ou a queda dos lucros são os dois elementos que podem gerar problemas de crédito entre as empresas americanas. Dada a política monetária da Reserva Federal, a queda nos lucros causada pela escalada das tensões comerciais é a principal ameaça aos riscos de crédito. Embora a economia dos EUA esteja a passar por um longo período de expansão, os lucros das empresas caíram no primeiro trimestre de 2019. As empresas que operam nos setores do imobiliário e dos serviços públicos são as mais vulneráveis à rápida deterioração resultante de uma queda nos lucros, seguidas pelas empresas dos setores energético, comunicação e de assistência médica. Outros setores altamente expostos são o alimentar, bebidas, tabaco e construção civil.


A dívida privada na China representou 203% do PIB em 2018. Ao contrário dos Estados Unidos, na China a dívida das famílias quase triplicou (de 19% do PIB antes da crise financeira global para 51% em 2018), assumindo-se como a taxa de crescimento mais rápida do mundo. O aumento em relação ao rendimento disponível é ainda mais rápido: 120% em comparação com 30% em 2007. Com 80% da dívida das famílias financiada a taxas variáveis, os agregados familiares chineses estão vulneráveis às flutuações do ciclo económico.


O setor empresarial chinês começou a sua desalavancagem, um processo que aumenta o risco de abrandamento forçado da economia chinesa. A dívida das empresas, que ainda representa 152% do PIB, é a segunda maior entre os mercados emergentes, atrás de Hong Kong (220%). Noventa e cinco por cento da dívida corporativa chinesa está denominada em moeda local, o que a torna menos vulnerável ao risco cambial, mas, tal como nos EUA, a Crédito y Caución regista um aumento da preocupação com a deterioração da qualidade creditaria das empresas. Os setores mais vulneráveis são aqueles que apresentam um excesso de capacidade (aço, alumínio, carvão, vidro laminado e cimento), juntamente com os mais endividados (construção civil e imobiliário) e os envolvidos na disputa comercial com os Estados Unidos (metais, plásticos e máquinas).


Sobre a Crédito y Caución


Crédito y Caución é uma das marcas líderes em seguro de crédito interno e de exportação em Portugal, com uma quota de mercado de 26%. A Crédito y Caución contribui para o crescimento das empresas, protegendo-as dos riscos de incumprimento associados a vendas a crédito de bens e serviços. A marca Crédito y Caución também está presente em Espanha e no Brasil. No resto do mundo opera como Atradius. Somos um operador global de seguro de crédito presente em mais de 50 países. Pertencemos ao Grupo Catalana Occidente, um dos líderes do setor segurador em Espanha e de seguro de crédito no mundo.
 

Mantenha-se informado. Receba a nossa Newsletter

Esta pagina web utiliza cookies

Utilizamos cookies de terceiros para fins analíticos (produzindo estatísticas baseadas nos seus hábitos de navegação), personalização (para lembrar o idioma ou as configurações preferidas da web) e publicidade comportamental (para desenvolver perfis e oferecer publicidade adaptada às suas preferências de navegação). Poderá configurar o uso desta tecnologia. Poderá também modificar ou retirar o seu consentimento a qualquer momento, clicando em "Declaração de Cookies".

 

Marketing

Os cookies de marketing são utilizados para rastrear os visitantes dos sites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e atraentes para o utilizador individual e, por conseguinte, mais valiosos para os editores e anunciantes terceiros.

Necessárias

Os cookies necessários ajudam a tornar um site utilizável, ativando funções básicas como navegação na página e acesso a áreas seguras do site. O website não pode funcionar corretamente sem estes cookies.

Estadísticas

Os cookies estatísticos ajudam os proprietários dos sítios Web a compreender como os visitantes interagem com o sítio Web, recolhendo e fornecendo informações de forma anónima.

Preferências

Os cookies de preferências permitem que o site se lembre de informações que alteram a forma como o site se comporta ou é apresentado, tais como o seu idioma preferido ou a região em que se encontra.