O ano de 2019 vai evidenciar as diferenças entre emergentes

A Crédito y Caución prevê que a Ásia emergente se mantenha como motor do crescimento mundial, enquanto outros emergentes aumentam a sua vulnerabilidade

Madrid - 13-dez-2018

 

 

O ano de 2019 estará marcado pela crescente preocupação com as perspetivas de crescimento das economias emergentes. A guerra comercial entre os EUA e a China e o ajustamento monetário da Reserva Federal estão a provocar um impacto adverso nos mercados emergentes mais endividados, em especial aqueles cuja dívida está nominada em moeda estrangeira e que mantêm reservas baixas. 

 

 

As economias emergentes caíram em desgraça, a nível global, nos primeiros meses de verão. Isso teve como reflexo a saída de capitais e a desvalorizações das moedas, em especial nos países com políticas erróneas ou incerteza política. Foi particularmente verdade nos casos da Argentina e da Turquia que registaram uma fuga desordenada. Recuperaram ligeiramente nos últimos tempos, mas ambos os países sofreram graves crises monetárias que provocaram uma desvalorização de mais de 50% para o peso e superior a 40% no caso da lira”, refere o relatório da Crédito y Caución. Esta situação arrastou outros países, como a África do Sul e a Indonésia, marcados também eles por desequilíbrios externos ou fiscais que aumentam a sua vulnerabilidade perante mudanças no sentimento do mercado.  “Estas fortes desvalorizações monetárias são uma advertência para outros países vulneráveis: não há margem para erro”.

 

Alguns emergentes, contudo, escaparam à agitação dos mercados. Os países do Médio Oriente e do Norte de África continuaram a receber fundos substanciais provenientes do exterior. Os países exportadores de petróleo estavam protegidos pelo aumento dos preços do crude, mas no caso dos importadores as pressões das taxas de câmbio mantiveram-se surpreendentemente limitadas. 

 

As perspetivas na Ásia emergente são muito otimistas. A Crédito y Caución prevê que as economias mais importantes da região, como a chinesa e a indiana, continuem a contribuir fortemente para o crescimento do PIB mundial, impulsionadas por uma procura interna forte e pela margem que ainda detêm para políticas de incentivo. Apesar de ser o principal objetivo da guerra comercial empreendida pelos EUA, as perspetivas de crescimento da China não se deterioraram: o cenário original de abrandamento suave mantém-se intacto. Tanto o consumo privado como a atividade imobiliária mantiveram o seu vigor no primeiro semestre de 2018 e os investimentos das empresas e a despesa pública abrandaram, mas apenas moderadamente.   Favorecidas por uma moeda mais fraca, as exportações chinesas mantêm a sua força.

 

Sobre a Crédito y Caución

 

Crédito y Caución é uma das marcas líderes em seguro de crédito interno e de exportação em Portugal, com uma quota de mercado de 27%. A Crédito y Caución contribui para o crescimento das empresas, protegendo-as dos riscos de incumprimento associados a vendas a crédito de bens e serviços. A marca Crédito y Caución também está presente em Espanha e no Brasil. No resto do mundo opera como Atradius. Com uma quota de mercado mundial de 24%, somos um operador global de seguro de crédito presente em mais de 50 países.  A nossa actividade consolida-se no Grupo Catalana Occidente.

Mantenha-se informado. Receba a nossa Newsletter

Esta pagina web utiliza cookies

Utilizamos cookies de terceiros para fins analíticos (produzindo estatísticas baseadas nos seus hábitos de navegação), personalização (para lembrar o idioma ou as configurações preferidas da web) e publicidade comportamental (para desenvolver perfis e oferecer publicidade adaptada às suas preferências de navegação). Poderá configurar o uso desta tecnologia. Poderá também modificar ou retirar o seu consentimento a qualquer momento, clicando em "Declaração de Cookies".

 

Marketing

Os cookies de marketing são utilizados para rastrear os visitantes dos sites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e atraentes para o utilizador individual e, por conseguinte, mais valiosos para os editores e anunciantes terceiros.

Necessárias

Os cookies necessários ajudam a tornar um site utilizável, ativando funções básicas como navegação na página e acesso a áreas seguras do site. O website não pode funcionar corretamente sem estes cookies.

Estadísticas

Os cookies estatísticos ajudam os proprietários dos sítios Web a compreender como os visitantes interagem com o sítio Web, recolhendo e fornecendo informações de forma anónima.

Preferências

Os cookies de preferências permitem que o site se lembre de informações que alteram a forma como o site se comporta ou é apresentado, tais como o seu idioma preferido ou a região em que se encontra.