Bulgária contrai 4,3% em 2020

O setor bancário búlgaro está suficientemente capitalizado, mas tanto a taxa de incumprimento, próxima dos 8%, como a exposição a divisas estrangeiras são bastante elevadas.
 

Lisboa - 11-dez-2020

 

 

A Crédito y Caución prevê que a economia da Bulgária sofra uma contração de 4,3% em 2020. A pandemia provocará quedas superiores a 8% no investimento, 10% nas exportações e 5% na produção industrial. O turismo, que representa 11% do PIB, é um dos setores mais afetados pela Covid-19. A despesa pública crescerá cerca de 5% em 2020 como consequência dos estímulos extraordinários adotados para contrariar os efeitos negativos da pandemia. A Administração anunciou medidas como a compensação parcial dos custos salariais ou das contribuições para a segurança social, a redução do IVA, o adiamento do pagamento de impostos e ajudas financeiras às empresas mais vulneráveis.

 

 

A Crédito y Caución prevê que o PIB recupere cerca de 4% em 2021, com um aumento das exportações e dos investimentos de 7% e 13%, respetivamente. Contudo, a recuperação depende em grande medida do impacto e duração da segunda vaga da pandemia na Europa. A longo prazo, a instabilidade institucional continua a ser um problema para as perspetivas de crescimento da Bulgária. A falta de pessoal qualificado já começou a afetar as perspetivas de crescimento das empresas. O país apresenta um nível de emigração elevado, com cerca de um milhão de búlgaros no estrangeiro e uma população cada vez mais reduzida e envelhecida. 


Prevê-se que em 2020 o défice fiscal aumente até cerca de 3% do PIB, o que dará lugar a um aumento da dívida pública superior a cinco pontos percentuais, até 26% do PIB. A dívida pública em mãos de credores não residentes e denominada em moeda estrangeira representa cerca de 80%, mas a grande almofada de liquidez da Administração e o Fundo de Recuperação da União Europeia mitigam o risco soberano.


Em 2020 o Banco Central da Bulgária injetou liquidez no setor bancário, estabelecendo uma moratória temporária da dívida e proporcionado créditos e garantias adicionais às PME. No entanto, o quadro da política monetária é sólido e a Bulgária costuma seguir as decisões de política monetária adotadas pelo Banco Central Europeu. Embora a adoção do Euro pareça improvável a curto prazo, o país integrou o Mecanismo Europeu de Taxas de Câmbio (ERM II) em junho de 2020. A paridade monetária favorece a confiança dos investidores estrangeiros, embora limite a capacidade da Bulgária para combater os seus desequilíbrios externos. O setor bancário está suficientemente capitalizado e é rentável embora tanto a taxa de incumprimento, próxima dos 8%, como a exposição a divisas nos passivos e nos empréstimos bancários, entre os 35 e os 40%, sejam bastante elevadas.


Sobre a Crédito y Caución


Crédito y Caución é uma das marcas líderes em seguro de crédito interno e de exportação em Portugal, com uma quota de mercado de 24%. A Crédito y Caución contribui para o crescimento das empresas, protegendo-as dos riscos de incumprimento associados a vendas a crédito de bens e serviços. A marca Crédito y Caución também está presente em Espanha e no Brasil. No resto do mundo opera como Atradius. Somos um operador global de seguro de crédito presente em mais de 50 países.  A nossa actividade consolida-se no Grupo Catalana Occidente.
 

Mantenha-se informado. Receba a nossa Newsletter

Esta pagina web utiliza cookies

Utilizamos cookies de terceiros para fins analíticos (produzindo estatísticas baseadas nos seus hábitos de navegação), personalização (para lembrar o idioma ou as configurações preferidas da web) e publicidade comportamental (para desenvolver perfis e oferecer publicidade adaptada às suas preferências de navegação). Poderá configurar o uso desta tecnologia. Poderá também modificar ou retirar o seu consentimento a qualquer momento, clicando em "Declaração de Cookies".

 

Marketing

Os cookies de marketing são utilizados para rastrear os visitantes dos sites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e atraentes para o utilizador individual e, por conseguinte, mais valiosos para os editores e anunciantes terceiros.

Necessárias

Os cookies necessários ajudam a tornar um site utilizável, ativando funções básicas como navegação na página e acesso a áreas seguras do site. O website não pode funcionar corretamente sem estes cookies.

Estadísticas

Os cookies estatísticos ajudam os proprietários dos sítios Web a compreender como os visitantes interagem com o sítio Web, recolhendo e fornecendo informações de forma anónima.

Preferências

Os cookies de preferências permitem que o site se lembre de informações que alteram a forma como o site se comporta ou é apresentado, tais como o seu idioma preferido ou a região em que se encontra.