A deterioração das insolvências aumenta a procura de seguro de crédito na Ásia-Pacífico

Cresce o número de empresas da região que adota uma abordagem mais estratégica para a gestão de crédito.

Madrid - 20-mai-2019

A Crédito y Caución prevê que as insolvências mundiais aumentem 2%, num quadro de desaceleração do crescimento do PIB mundial de 3,2% em 2018 para 2,7% em 2019. Neste contexto, a avaliação rigorosa do risco de incumprimento dos clientes B2B tornou-se mais complexa e exige uma abordagem estratégica para as empresas da Ásia-Pacífico que façam negócios a crédito, integradas na cadeia de fornecimento global.

 


Os mercados da Ásia-Pacífico continuam a ser o principal motor de crescimento da economia mundial. Embora a procura interna na região continue sólida, vários riscos de quebra parecem obscurecer as suas perspetivas de crescimento. A desaceleração do comércio em muitos países levou as empresas da Ásia-Pacífico a aumentar o uso de crédito comercial em transações B2B, de modo a manterem a sua competitividade e a ganharem quota de mercado.


Como revela o Barómetro de Práticas de Pagamento de maio para a Ásia-Pacífico, divulgado pela Crédito y Caución, o valor total das vendas B2B a crédito na região aumentou de 48,1% no ano passado para 55,5%. O maior aumento registou-se na Austrália, com um incremento de 47,7% para 71,5%. O uso mais frequente do crédito comercial aumenta os riscos de incumprimento dos clientes. Na Ásia-Pacífico, 29,8% do valor total das faturas B2B emitidas pelas empresas estudadas foi afetado por atrasos nos pagamentos. Por mercado, esta percentagem tem o seu valor máximo na Índia (39,0%) e o mais baixo no Japão (13,2%).


A avaliação da solvência do comprador prévia à definição dos termos do crédito é essencial para a gestão das vendas a crédito. As empresas em Singapura (53%) e na China (51%) são as mais propensas a realizar este processo. As provisões contra incumprimentos são realizadas por 41% das empresas em Taiwan e na Indonésia, contra uma média de 33% na região.


De modo a manter a solidez financeira e a evitar os problemas de liquidez causados pelo incumprimento por parte dos clientes, 41% das empresas tiveram de pagar com atraso aos seus próprios fornecedores. A frequência é maior entre as empresas na Índia (51%) e na Indonésia (46%). Em última análise, 2,1% do valor total das vendas B2B a crédito foi dado como incobrável, o que traduz um aumento face aos 1,9% registados em 2018. Esta taxa sugere que, face ao ano passado, as empresas apresentam um menor êxito na recuperação de faturas.


Na região Ásia-Pacífico, 31% das empresas esperam que o comportamento de pagamento dos seus clientes se deteriore e que as faturas com prazo vencido superior a 90 dias aumentem. As mais afetadas são as empresas na Índia (52%), seguidas pela Indonésia (35%). Para proteger o seu negócio contra os níveis atuais de risco de crédito comercial, 42% das empresas da região preveem aumentar o uso do seguro de crédito. Esta percentagem sobe para 51% na China e em Hong Kong e para 47% na Austrália.


"O nível de risco, instabilidade e volatilidade no clima económico atual aumenta diariamente. Os incumprimentos estão a aumentar em todo o mundo e, juntamente com eles, prevemos um incremento constante nas insolvências nos próximos anos. A desaceleração económica da China, o principal destino de exportação de muitas economias da região, a par da guerra comercial não solucionada e potencialmente crescente entre a China e os Estados Unidos, constituem riscos que poderiam deteriorar ainda mais as práticas de pagamento internacionais e as perspetivas de insolvência global. Neste cenário, torna-se muito mais complexo para as empresas realizar uma avaliação sólida dos riscos relacionados com as suas vendas a crédito. Isto requer uma abordagem estratégica da gestão de crédito, para a qual vemos um interesse crescente na Ásia-Pacífico”, explica o Chief Market Officer da Atradius, Andreas Tesch.


"Em geral, espera-se que as condições económicas em 2019 sejam mais difíceis do que no ano passado, mas a Atradius na Ásia está bem preparada para gerir os riscos negativos que as empresas enfrentam. A nossa compreensão da economia global, bem como dos mercados locais na Ásia, é fundamental para ajudar os nossos clientes a fazer crescer os seus negócios. Os nossos clientes podem ter a certeza de que temos o conhecimento que pode ajudá-los a evitar faturas não pagas e a direcioná-los para negócios e oportunidades saudáveis", explicou o Diretor Geral da Atradius Ásia, Eric den Boogert.


O Barómetro de Práticas de Pagamento de maio de 2019 para a Ásia-Pacífico é realizado na Austrália, China, Hong Kong, Índia, Indonésia, Japão, Singapura e Taiwan.


Sobre a Crédito y Caución

 

Crédito y Caución é uma das marcas líderes em seguro de crédito interno e de exportação em Brasil, com uma quota de mercado de 19%. A Crédito y Caución contribui para o crescimento  das empresas, protegendo-as dos riscos de incumprimento associados a vendas a crédito de bens e serviços. A marca Crédito y Caución também está presente em Espanha e no Portugal. No resto do mundo opera como Atradius. Somos um operador global de seguro de crédito presente em 50 países. A nossa actividade consolida-se no Grupo Catalana Occidente.

Mantenha-se informado. Receba a nossa Newsletter

Esta pagina web usa cookies

Utilizamos cookies de terceiros para fins analíticos (produzindo estatísticas baseadas nos seus hábitos de navegação), personalização (para lembrar o idioma ou as configurações preferidas da web) e publicidade comportamental (para desenvolver perfis e oferecer publicidade adaptada às suas preferências de navegação). Poderá configurar o uso desta tecnologia. Poderá também modificar ou retirar o seu consentimento a qualquer momento, clicando em "Declaração de Cookies".

Marketing

Os cookies de marketing são utilizados para rastrear os visitantes dos sites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e atraentes para o utilizador individual e, por conseguinte, mais valiosos para os editores e anunciantes terceiros.

Necessárias

Os cookies necessários ajudam a tornar um site utilizável, ativando funções básicas como navegação na página e acesso a áreas seguras do site. O website não pode funcionar corretamente sem estes cookies.

Estadísticas

Os cookies estatísticos ajudam os proprietários dos sítios Web a compreender como os visitantes interagem com o sítio Web, recolhendo e fornecendo informações de forma anónima.

Preferências

Os cookies de preferências permitem que o site se lembre de informações que alteram a forma como o site se comporta ou é apresentado, tais como o seu idioma preferido ou a região em que se encontra.