Contração da Argentina prolongar-se-á em 2019

Após uma breve recuperação em 2017, a elevada vulnerabilidade da Argentina à normalização da política monetária dos Estados Unidos tornou-se evidente a partir de 2018.

Madrid - 27-mai-2019

A Crédito y Caución prevê que a contração económica da Argentina, marcada pela crise monetária e por uma inflação elevada, se prolongará, pelo menos, até final de 2019. Em 2016, a Argentina negociou um acordo que lhe permitiu recuperar o acesso aos mercados internacionais de capitais. Após uma breve recuperação em 2017, a elevada vulnerabilidade do país à normalização da política monetária dos EUA tornou-se evidente a partir de 2018.

 


A fuga de capitais por parte de investidores nacionais e estrangeiros provocou uma desvalorização da moeda de 50% em 2018 e uma diminuição significativa das reservas estatais. A tentativa de travar os fluxos de capitais elevando as taxas de juros acima dos 60% não teve sucesso perante os receios de incumprimento do país. A expansão das linhas de crédito do Fundo Monetário Internacional reduziu a preocupação com a probabilidade de 'default', mas, em contrapartida, o Governo argentino teve que aceitar importantes medidas de austeridade.


"Não se espera uma retoma da economia até final de 2019, na melhor das hipóteses impulsionada principalmente pelas vantagens de um peso fraco e pela normalização das colheitas. Um aumento nas exportações de produtos agrícolas, que representam 50% do total, proporcionaria uma entrada de divisas que, juntamente com a queda das importações, reduziria o défice de conta corrente. Espera-se que a inflação diminua ao longo do ano, assim que se façam sentir os efeitos da política monetária extremamente rígida", refere o relatório. 


Juntamente com as elevadas taxas de juros, as medidas de austeridade irão aprofundar e prolongar a contração económica em 2019. Como resultado da forte desvalorização registada em 2018, a inflação é superior a 50% e o desemprego está a aumentar, o que intensifica a agitação social no país.


Sobre a Crédito y Caución

 

Crédito y Caución é uma das marcas líderes em seguro de crédito interno e de exportação em Brasil, com uma quota de mercado de 19%. A Crédito y Caución contribui para o crescimento  das empresas, protegendo-as dos riscos de incumprimento associados a vendas a crédito de bens e serviços. A marca Crédito y Caución também está presente em Espanha e no Portugal. No resto do mundo opera como Atradius. Somos um operador global de seguro de crédito presente em 50 países. A nossa actividade consolida-se no Grupo Catalana Occidente.

Mantenha-se informado. Receba a nossa Newsletter

Esta pagina web usa cookies

Utilizamos cookies de terceiros para fins analíticos (produzindo estatísticas baseadas nos seus hábitos de navegação), personalização (para lembrar o idioma ou as configurações preferidas da web) e publicidade comportamental (para desenvolver perfis e oferecer publicidade adaptada às suas preferências de navegação). Poderá configurar o uso desta tecnologia. Poderá também modificar ou retirar o seu consentimento a qualquer momento, clicando em "Declaração de Cookies".

Marketing

Os cookies de marketing são utilizados para rastrear os visitantes dos sites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e atraentes para o utilizador individual e, por conseguinte, mais valiosos para os editores e anunciantes terceiros.

Necessárias

Os cookies necessários ajudam a tornar um site utilizável, ativando funções básicas como navegação na página e acesso a áreas seguras do site. O website não pode funcionar corretamente sem estes cookies.

Estadísticas

Os cookies estatísticos ajudam os proprietários dos sítios Web a compreender como os visitantes interagem com o sítio Web, recolhendo e fornecendo informações de forma anónima.

Preferências

Os cookies de preferências permitem que o site se lembre de informações que alteram a forma como o site se comporta ou é apresentado, tais como o seu idioma preferido ou a região em que se encontra.